Quem aceita o TOEFL

Ao redor do mundo, mais de 9.000 instituições de ensino superior, agências e outras, exigem a pontuação do TOEFL. Columbia, Harvard, Yale, dentre outras.

Uma passagem aérea não garante o sucesso do brasileiro que deseja dar novos ares acadêmicos ou profissionais ao seu currículo. O desejo de fazer a sua especialização em outro país, muitas vezes, esbarra na exigência de exames que testam o nível de compreensão no idioma inglês.

Assim, o TOEFL (Test of English as a Foreign Language) é um dos exames mais requisitados e exigidos por universidades e instituições nas quais o inglês é o idioma oficial. Para se ter uma ideia do grau de importância do curso, quase 2.500 universidades e faculdades exigem a certificação do exame para alunos estrangeiros – e isso nos EUA e Canadá, apenas -, e calcula-se que mais de 20 milhões de alunos já passaram pela longa e desafiadora prova, que testa os conhecimentos verbais, de escrita e de compreensão oral.

Ao redor do mundo, o número sobe para 9.000 instituições de ensino superior, agências e outras, distribuídas em mais de 130 países, que exigem a pontuação individual de quem prestou o exame do TOEFL.

Mais que isso, profissionais com seus múltiplos diplomas emoldurados nas paredes atrás de si, também usufruem da certificação qualitativa impressa no resultado do TOEFL para embarcar em novas e mais desafiadoras jornadas profissionais, com oportunidades fora do Brasil, onde o inglês se faça o idioma de melhor compreensão. Mais que um ingresso para as melhores universidades, o TOEFL é, também, o carimbo no seu passaporte que o gabarite a ampliar os horizontes, na procura por uma nova colocação no mercado de trabalho.

É importante ressaltar que a validade da pontuação é de apenas dois anos, sendo necessária a realização de uma nova prova para revalidar os conhecimentos na língua inglesa, caso o candidato tenha perdido esse período para o ingresso na instituição ou posição desejada.

Administrado pelo ETS (Educational Testing Service) desde 1964, o TOEFL é a barreira definitiva entre um candidato e o seu sonho em acumular conhecimento na sua área, mas em outro país. Além de universidades, o exame pode ser requerido por programas de bolsas de estudos ou mesmo órgãos governamentais.

Por isso, ingressar no ramo acadêmico em um local onde a cultura, as disciplinas, os professores e o idioma são nitidamente diferentes de onde se viveu grande parte da vida, exige uma boa preparação.

Além das instituições de ensino, o exame internacional TOEFL tem sido utilizado, também, por departamentos de imigração para auxiliá-los na emissão de vistos de trabalho e de residência ou agências médicas e de licenciamento para certificações profissional.


Contato Rápido

Informações

para contato

(11) 3141-1111

(11) 9.6973-6252

Abaixo, algumas universidades que exigem a pontuação do TOEFL para receber estudantes de todas as partes do mundo.

  • Columbia University
  • Harvard University
  • Princeton
  • Yale
  • NYU
  • Stanford University
  • Berkeley
  • MIT
  • University of Chicago
  • CALTECH
  • Cornell University
  • London Business School
  • Insead
  • Brown University
  • Miami University
  • Wharton
  • IESE Business School
  • IMD
  • Warwick Business School
  • Princeton

Para mais informações sobre o Curso TOEFL em São Paulo, entre em contato com a LBE.

curso-preparatório-toefl